Pesquisar Postagens

quarta-feira, 23 de setembro de 2009

Dinossauros no gelo


Muitos dinossauros e variadas espécies dominaram o mundo na Era Mesozóica, e também o Circulo Ártico e a Antártida, os lugares mais frios do mundo.
Cientistas e paleontólogos viajam todos os dias para o Ártico para continuar as escavações em busca de dinossauros que viveram há milhões de anos na Terra, mas os desafios não param: O frio e o gelo desafiam esses cientistas e tornam as descobertas mais difíceis.
A temperatura no Ártico chega a -60ºC, sem contar que o clima é seco (o Ártico não é quente, mas é considerado um deserto, junto ao Saara), e muito gelo bloqueia a passagem de qualquer pessoa que tente encarar os blocos de vários metros de altura.
Mas não é só no Ártico. A Antártida, um grande continente gelado, mais frio que qualquer outro lugar do mundo, ocupa o sul da Argentina e do Chile, e um dos maiores glaciares do mundo: O Glaciar Perito Moreno, na Argentina. A Antártida também abrigou várias espécies de dinossauros, e também outros animais como os Plesiossauros (répteis aquáticos que viveram em toda a Era Mesozóica, como o Ictiossauro e o Mesossauro).
Uma boa parte das espécies de dinossauros viveram em áreas secas e frias como a Antártida e o Ártico, e outras nas regiões áridas da África. Mas os dinossauros viveram em todo o planeta.

Imagem:
br.geocities.com/lumini_enigmas

segunda-feira, 14 de setembro de 2009

A História dos Mamíferos

Acima, um mamífero primitivo. Ele viveu no período Jurássico.


Os mamíferos surgiram no começo da Era Cenozóica e existem até os dias atuais. Desde animais minúsculos até os famosos mamutes, e os primatas, que foram ancestrais do ser humano, que surgiram há 2,3 milhões de anos. Outros mamíferos carnívoros como o Tigre-dente-de-sabre também surgiram.
O que permitiu que os mamíferos surgissem foi o fim da Era Mesozóica, a era dos dinossauros. Ocorreram mudanças no clima e na Terra, o que permitiu o desenvolvimento dos mamíferos.
Não vemos tigres-dente-de-sabre porque ocorreram entre a era cenozóica e hoje, modificações que permitiram a evolução até os mamíferos que vemos hoje (elefantes, girafas, gorilas, baleias...), e continuarão se transformando. Os mamíferos são grande parte dos animais da Terra, hoje. Um dos fatores que permitiu a evolução dos mamíferos, foi a glaciação que ocorreu no Pleistoceno, no período Neogeno, há 10.000 anos atrás. Mais de 30 ordens de mamíferos pareceram no cenozóico, das quais aproximadamente 15 ordens ainda estão presentes hoje.
A glaciação ocorreu por um fator importante: No Oligoceno (período Paleogeno), o continente australiano se separou da Antártida. Com isso, surgiu a Corrente Circumpolar Antártica, que esfriou o oceano antártico.
No Mioceno se produziu um ligeiro aquecimento devido a liberação dos hidratos que desprenderam do dióxido de carbono. Quando o continente Sul-americano se uniu ao Norte-americano pela criação do Istmo do Panamá, a região do Ártico também se resfriou devido ao fortalecimiento das correntes de Humboldt e do Golfo e o fim da circulação de correntes marinhas primitivas de águas quentes que atravessavam o planeta de leste a oeste, levando ao último máximo glacial.


Fontes:
Wikipédia, em português

Imagem:
blogpaedia.com.br

sexta-feira, 11 de setembro de 2009

Luta Jurássica


A Luta Jurássica é um seriado do The History Channel (canal 59, Domingos às 22 horas), que mostra situações de dinossauros que lutavam até a morte para conseguir presas em situações críticas como falta de comida ou água. Outros apenas ameaçam suas presas, e transformavam o mundo pré-histórico em um verdadeiro campo de batalhas.
O programa é muito bom porque é bastante realístico quanto à situação dos dinossauros.
Vale a pena assistir: O programa passa no canal 59, nos Domingos, às 22 horas (The History Channel). Também há, nesse canal, outros programas bastante interessantes. Documentários e outras coisas interessantes.

Imagem:
tuhistory.com

sexta-feira, 4 de setembro de 2009

Centrossauro

O Centrossauro, ou "Lagarto Pontiagudo", foi um ceratopsiano, que viveu no final do período Cretáceo, há 75 milhões de anos, no Campaniano, na América do Norte.
O nome se refere às "pontinhas" que possui a "gola" do Centrossauro, e não ao chifre que ficava no nariz.

O Centrossauro media 6 metros de comprimento, e 2,5 metros de altura e tinha um só chifre sobre o nariz, que podia curvar-se para trás ou para frente, dependendo do indivíduo.
A gola do Centrossauro era bastante grande, com buracos bastante grandes
O Centrossauro também tinha 2 pequenos chifres sobre os olhos.
O primeiro fóssil de Centrossauro foi descoberto em Alberta, no Canadá, por Lawrence Lambe, perto do Rio Red Deer.

Fontes:

Imagem:

quinta-feira, 3 de setembro de 2009

Uma Teia Alimentar... Do tempo dos Dinossauros!

Você já deve ter aprendido sobre cadeias alimentares, e que um conjunto de cadeias alimentares, forma uma teia alimentar. Sempre, desde que houve vida, foi assim.
Obviamente, no Mesozóico, uns comiam os outros, mas estes podiam também ser comidos.
Veja uma teia do período Cretáceo, elaborada no Paint:


O Tiranossauro não entra na teia acima, pois não viveu na Ásia. Por isso, não havia chances de que o Tiranossauro tenha sido um predador para estes animais. Ele pode ter sido presa de algum outro animal, mas na América do Norte. Você também deve prestar atenção no tempo. Um dinossauro que viveu no período Jurássico, exclusivamente, não poderia ter sido predador de um animal que viveu exclusivamente no Cretáceo.

terça-feira, 1 de setembro de 2009

Grupos Google.

Quem tem uma conta no Google sabe do que estou falando.
O Google groups permite você criar um pequeno grupo e, nele, colocar arquivos, imagens, discussões e criar páginas.
Algumas pessoas poderão editá-lo, se permitir. Bom, não é muito fácil explicar como é.
Se quiser ter, aconselho ter uma conta no Google que, além de você ter acesso ao Google Groups, você tem acesso ao Blogger e muito mais.
O Interdino agora tem um grupo:
http://groups.google.com.br/group/jurassic-park-group
E também o Dinossauro.org (Ariel):
http://groups.google.com.br/group/dinossauroorg?lnk=

Todos sobre paleontologia, dinossauros e Jurassic Park. Se quiser participar do grupo do Interdino, ajudando a criar páginas, discussões ou adicionar arquivos nele, solicite um convite por e-mail, colocando um comentário NESTA POSTAGEM.
Participe!

O Grupo Google "Jurassic Park Group" está inativo. Você poderá acessá-lo, porém o conteúdo é antigo.

Imagem:
mundodoispontozero.files.wordpress.com
Créditos da postagem:
Google Inc.